Post Interessante:

Maximum Art

Para quem gosta de arte, faça uma visita ao Maximum Art Gallery, que oferece obras originais do artista norueguês Øivind Solgård-Jensen. Cada peça é produzida usando técnicas tradicionais de fotografia misturadas com efeitos digitais até atingirem o resultado desejado pelo artista. Não deixe...

Leia Mais...

Resoluções de Ano Novo!

Ananda Valeeva | arquivado em Comportamento, Especial | 07-01-2009 | Comments (4)

escrito por Ananda Valeeva

Happy-2009

Quantas vezes você criou listas imaginárias em dezembro, quando mais um novo ano se aproxima? Alguns decidem parar de fumar, outros decidem fazer aquela faculdade tão adiada, deixar o emprego que detestam e o tal eterno regime que sempre vai começar na segunda-feira? Rsrs Ainda bem que nossos avatares são eternos jovens e belos (se assim decidirmos). Encontramos afinal, o nosso “Santo Graal” na SL. Estive refletindo sobre como tornar a segunda vida mais feliz e útil. Seria piegas ou apenas o despertar necessário para viver melhor e encontrar uma luz no fim do túnel?

Sabemos que a SL vicia e que algumas pessoas perderam a medida, vivendo perigosamente muito mais no mundo de sonhos do que na realidade. Alguns surtam, “amando” perdidamente uma pessoa diferente por mês… Ou criam projetos mirabolantes e sem embasamento, fadados ao fracasso. Por isso é que meu primeiro texto desse ano surgiu como inspiração.

utopia-ilusao

Estou viajando e totalmente entregue à realidade e a explorar esse Real mundão maravilhoso. Garanto que volto sempre plena de energia, paz e idéias para partilhar com os amigos e leitores. Só precisarei agora aguardar uns dias, para que a confusão do fuso horário se organize em minha cabeça naturalmente viajante.

Do outro lado do mundo eu lembrei muitas vezes de um comentário da Patou, que me disse que longe da SL eu perceberia esse universo virtual de outra maneira, quando eu voltasse. Você estava certa, querida! Senti saudades, a princípio, mas nada substitui a RL e por isso desejo sempre o equilíbrio em “minhas vidas”. A saudade foi das PESSOAS por traz dos avatares. Essas sim sempre serão importantes.

Continuo acreditando na Second Life e adorando a diversão e sonho, e por isso quero descobrir novidades para contar a todos. Sou fã de carteirinha do metaverso e isso não mudou não, já que sempre vi enorme potencial criativo e prático na SL. Ainda mais agora que ofereço uma ilha, a Surya Isle, que é um sonho realizado para partilhar com todos em projetos muito interessantes.

Meditação em Surya

Mas, aproveitando que começamos um novo ano e a inevitável listinha de resoluções também surgiu para a minha segunda vida, proponho uma reflexão a todos, uma reavaliação do propósito de nossa segunda vida…
Sem julgamentos, apenas como pausa para o despertar. Que tal?

• Dar uma geral na lista de amigos e deixar realmente quem se importa e tem contato. Qualidade sempre foi melhor que quantidade. Salvo, em honrosas exceções e por necessidade, quem promove eventos e precisa de muitos contatos. (mas, sugiro cursos que ensinem o que é ser promoter).

• Reduzir o inventário dos terríveis 32.000 itens para 5.000 (será que um dia desse ano conseguirei isso?).

• Reduzir o tempo in-world quando perceber que nada interessante está acontecendo lá. Afinal, ficar na SL sem rumo é desperdício de um tempo precioso. Que tal ler um livro, assistir a um filme no cinema ou chamar amigos ou aquele “alguém” especial para sair na RL?

• Encontrar um objetivo na SL, que pode ser um trabalho, um ou vários projetos, ou até mesmo, se para você a SL representa apenas um jogo de sonhos, então viva intensamente também (sem esquecer que somos pessoas com vidas reais). O importante é encontrar um rumo, saber equilibrar nossas buscas e metas e encontrar harmonia em nossas escolhas.

• Se você não encontra nada para fazer, se sente inútil, busque seus talentos e acredite, você certamente vai descobrir alguma qualidade que interessa a alguém para lhe contratar. E se você ao contrário, é um workaholic como eu, este é um bom momento para equilibrar o excesso de atividades em sua segunda vida também e encontrar alegria e tempo livre para relaxar mais. Já venho fazendo isso há tempos e tem sido uma maravilha. Recomendo. Afinal, não há nada melhor do que ser feliz, seja como for.

Feliz 2009, feliz resoluções.

Gostei (11 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

publicidade
Visite Rahz Island

OS, LL e porque concorrência beneficia o cliente

Patou Dumont | arquivado em Comportamento, Mensagem | 07-11-2008 | Comments (16)

escrito por Patou Dumont

Talvez a maioria de vocês já saiba que a LL quis mudar os preços dos OpenSpace e que isso gerou uma quase revolução dentro do SL, moradores fazendo abaixo assinado no JIRA (quase 4.000 votos), demonstrações nos escritórios in-world da LL e blogs e fórums dando opiniões no assunto.

Eu não alugo espaço nos servidores da LL, mas acompanhei de perto todas essas atividades porque me interesso em ver como cias se comportam frente a situações como essa. A princípio o preço do tier das OS subiria dia 1º/Janeiro/2009, passando de USD$75 para USD$125 por mês; se você tiver 4 OS, eles passariam a ser class 5 (um servidor melhor) e o preço para compra de novas OS passaria de USD$250 para USD$375.

Num momento em que a economia mundial esta fraca das pernas, os US prestes a entrar em recessão (companias fechando e gente perdendo emprego, RL), eu acho de extremo mau gosto a LL subir seus preços, para dizer o mínimo.

Eles alegam que muitos dos usuários de OS estão abusando no número de prims e scripts, desta maneira usando mais resource do que o planejado para estes SIMs “leves”. Essa é a desculpa número um, que na minha opinião é a mais deslavada possível. Quando eles decidiram subir o número de prims de 1875 para 3875, eles sabiam que uma corrida para o ouro ia acontecer, e na minha opinião, se eles realmente não sabiam que as pessoas iam usar estes SIMs “leves” para construir casas, mainstores, condos, deveriam colocar a viola debaixo do braço e se aposentar, pois uma cia. que deseja ser o futuro da internet não pode ter visão tão curta de suas ações.

Punir todos que tem OS com uma subida de preços é inaceitável. LL deveria fiscalizar o uso de prims e scripts nos OS, implementar uma ferramenta de retorno quando o excesso é detectado e engulido o “prejuízo”, se é que realmente existe um.

Mas essa é uma cia que vem mostrado, mais e mais, que pouco liga para o que seus clientes pensam (onde estão os fixes para as centenas de bugs que fazem a vida virtual um saco?) e age como um gigôlo: dá porrada e depois um carinho (ou a impressão de carinho… continue lendo).

Eu gostei de ver, finalmente, um grande número de usuários exigindo mudança e em desacordo com a subida de preços, mas honestamente, não vejo como essas mudanças melhoraram em nada a situação de quem tem OS. Veja só as mudanças que foram ditadas por M no blog oficial:

Openspaces:

  • o tier continua USD$75/mês;
  • máximo 10 avatares;
  • 750 prims;
  • limites nos scripts;

Homesteads:

  • tier de USD$95/mês a partir de 5/Janeiro/2009;
  • aumentam para USD$125/mês em Julho/2009;
  • 3750 prims
  • máx. 20 avatares
  • provável limite nos scripts;
  • preços de setting up: USD$375;

Migrar de Openspaces para Full-SIM:

  • 4 openspaces para 1 full-SIM;
  • quem só tiver um, dois ou três pode pedir a conversão, pagando a diferença: USD$750, 500 e 250;
  • valor do tier passa a ser o mesmo de um full-SIM; até Janeiro/2009, a conversão é grátis;

Algumas pessoas estão contentes com esse “acerto”, mas eu continuo achando essas propostas um absurdo. Veja, se você é dono de um OS, ou aceita um corte em 3000 prims ou paga USD$20 a partir de Janeiro e USD$50 em Julho/2009 (originalmente a aumento de 66% que todo mundo reclamou), e tudo isso com menos avatares e menos scripts. Que maravilha heim?

Por que não o OS com 750 prim por USD$50 por mês e o original OS com os mesmo valor de USD$75, mas com o limite de avs e scripts? Porque eles não estão escutando os clientes, só estão fingindo. Não se engane, LL não tem seu interesse em vista, mesmo quando eles querem dar a impressão de estar fazendo a coisa certa.

Infelizmente LL conhece bem seus usuários (somos, em diferentes graus, viciados na nossa segunda vida) e sabe que no momento ainda não existe nenhuma outra GRID onde podemos migrar e continuar nossa vidinha virtual sem aborrecimentos. Mas eu dei o 1º passo: fiz uma conta no OpenLifeGrid e me conectei para experimentar, algo que 6 meses atrás eu achava que nunca ia fazer. Precisamos de outra cia que ofereça o mesmo serviço que a LL, pois só o medo de perder seus clientes pode trazer LL um pouco de humildade e interesse pelos seus clientes.

No inicio da minha visita a OpenLifeGrid eu me senti triste, tudo vazio, sem nada para ver e fazer, nem amigos para conversar. Mas logo me lembrei que SL também foi assim um dia, vazia, estranha e sem nada para fazer, até que centenas de usuários começaram a usar e hoje é esta maravilha que vemos. Esta mais do que claro que a beleza do SL fomos nós que criamos, e isso podemos levar para qualquer GRID. E sem nós, não existe SL.

Bom final de semana para todos!

Gostei (9 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

publicidade
Visite Rahz Island

Economia, Freebies e para onde o SL esta indo…

Patou Dumont | arquivado em Comportamento, Especial, Mensagem | 27-10-2008 | Comments (29)

escrito por Patou Dumont

Recentemente Gwyn escreveu um longo post sobre alguns fatores que estão afetando a economia do SL. Recomendo a leitura, pois vale muito a pena.

Alguns pontos me chamaram a atenção em especial: o fato dela “cercar” o número de usuários que “gastam” no SL, algo que eu sempre suspeitei mas não tinha fatos concretos para explicar.

Ela falou também sobre moda ser um setor ultra saturado no SL, onde a oferta esta muito superior a procura e onde “nomes famosos” (Armidi, por exemplo) se dão bem e os pequenos estão lutando para “sobreviver”.

Algo que me tocou é a imensa proliferação dos freebies e dollarbies (juro que não é só porque eu não aguento mais ver fantasia de Halloween nos feeds… e temos mais 5 dias pela frente! socorro!!!! :mad: ) Meses atrás eu iniciei uma lista no grupo do SL!B que mandava notes com dicas de onde achar freebies e dollarbies. Depois por falta de tempo, passei a tocha para a Catzgirl e ela fez um trabalho excelente coletando e mandando os notes.

Logo em seguida alguns designer me mandaram IMs agradecendo, outros comentando sobre fatos ocorridos em suas Hunts e ofertas, e algums casos de pessoas reclamando. Por isso decidi traduzir e publicar aqui a etiqueta do freebie, que vocês podem reler aqui.

Porém a coisa pegou fogo quando Ana Lutetia publicou algo sobre a “cultura do freebie” no SL (algo que Gwyn fala detalhadamente no post que citei acima). Eu conheço muitos criadores no SL e nas últimas semanas tenho ouvido muita reclamação. Gente que manda IM reclamando do freebie, gente que fica no meio da loja na frente de todo mundo e faz comentários maldosos sobre o item ofertado, gente que reclama do dollarbie custar 1L, etc e tal. Eu mesma presenciei cenas deste tipo quando amigos me chamaram para ficar na loja assim que a notinha era enviada a alguns grupos especializados no tema (não o SN!B, graças, ou teria morrido de vergonha). Note que eu não estou falando dos brasileiros, mas dos usuários do SL em geral.

Freebies é uma das melhores maneiras dos novos usuários aprenderem como as coisas funcionam no SL, como podem personalizar seus avatares, e por este motivo eu não acho que os freebies devem sumir. Quando eu comecei no SL os bons freebies eram apenas para os usuários com 30 dias ou menos, o que me parece justo. Também acredito que não é nada demais enviar um presente como forma de agradecer a preferência as pessoas que gastam com frequencia na sua loja.

Eu confesso que durante um período estava totalmente viciada nos freebies (quando comecei a mandar as notas para o grupo) e cheguei a comentar com a Ananda que eu já não estava mais trocando dinheiro no Lindex porque pegava tudo de graça. Mas esta fase passou quando meu trabalho começou a exigir mais e eu pedi a Catz para enviar as notas, e hoje me dia só gasto no SL com coisas “legais e estranhas” e uploads, pois faço eu mesma o que quero vestir, se tenho tempo. Fashion is dead no meu caderninho. :-)

Mas acho que a maneira que os freebies estão sendo distribuidos esta começando a saturar o mercado que já esta tendo dificuldade em vendas. Alguns criadores se sentem pressionados a distribuir freebies para poder competir e quando você começar a desvalorizar seu produto, a situação é grave. Sem dizer que quando as pessoas começam a achar que os criadores tem a obrigação de oferecer freebies a mandam IM reclamando da peça e pedindo modificações, esse é o ponto onde as coisas devem ser revistas.

Outro fator são as contas Premium. Eu concordo com Gwyn quando ela sugere que as contas Premium deveriam oferecer algo mais que as contas normais. Hoje em dia a LL não ganha seu pão com as contas Premium, e sim com a venda das terras e o tier, por isso não existe incentivo algum em melhorar o serviço aos Premiums… (cá entre nós, estou viajando né, a LL não tem interesse em melhorar nada para ninguém). Mas seria interessante se alguns limites fossem estipulados. Ela deu o excelente exemplo do Flickr: Flickr é um serviço grátis se você não se importa com as limitações. Se você paga um pouquinho mais, tem mais regalias. Eu sei que tem gente que vai me xingar e me chamar de elitista, mas imagine só o quanto ajustes aqui e ali poderiam melhorar a vida de todos: limite ao número de contas grátis por IP poderia evitar os bots; limite de uploads aos usúario sem CC on file ia diminuir o número de gente usando copybots e subindo imagens que não lhes pertence (claro que uma alternativa deveria ser implantada para quem não tem CC internacional); voice só poderia ser iniciada pelo premium; etc.

Eu gostaria de ver mudanças nos SL, mas sei que estou viajando na maionese. Enquanto isso o que eu posso fazer é escrever sobre o que eu gostaria que acontecesse… e sonhar. Boa semana a todos! 8)

Gostei (12 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

publicidade
Visite Rahz Island

Second Life: Jogo ou Simulador de Vida?

Ananda Valeeva | arquivado em Comportamento, Especial | 12-09-2008 | Comments (159)

escrito por Ananda Valeeva

Avatar, mas minha dona é REAL

Tenho adiado esse assunto, mas acho pertinente abordá-lo agora, ante ao que tenho presenciado e como uma das razões para o encanto que eu via na SL se esvair. Antes dos simuladores de vida que têm se multiplicado na internet, muitos de nós puderam se divertir com The Sims, em nossas inocentes aventuras, que dependiam apenas de nós. Foi um ótimo ensaio para o que viria depois.
Não sou dona da verdade e cada um tem sua opinião, mas fica muito claro até mesmo na página oficial da Linden Labs, a criadora do Second Life (o próprio nome traduzido quer dizer, Segunda Vida), que isso não é um jogo, mas um “simulador de vida, de sonhos, criado e imaginado por seus usuários”. Second Life é uma “vida paralela”, uma segunda vida além da vida “principal”, “real”.
Não somos apenas uma representação em pixels, nem bonequinhos, como tantos teimam em afirmar. Afinal, sem o nosso controle não haveria interação e nada do que acontece na SL. Jogo? Quais sãos as metas, objetivos, adversários a superar, enfim?

Cartoon SL

O ambiente virtual em 3D simula em muitos aspectos a nossa vida real e para cada um que cria seu avatar a SL pode ser um jogo (se você gosta de RPG e outros jogos que acontecem dentro da SL), um mero simulador, comércio virtual ou uma rede social.  O maior atrativo é poder simular a vida real online que une plataformas como Orkut, YouTube e MySpace, tudo em um único espaço, que torna a experiência fascinante.

Ainda que Second Life seja o mais bem sucedido dos simuladores de vida, é possível encontrar na rede outras opções como: Smallworlds, Popmundo e Kaneva. Esses são fatos e observações lógicas sobre o que é Second Life e simuladores de vida. E então, proponho a discussão sobre essa Utopia sonhada por tantos em viver uma vida perfeita, mas que repete apenas a nossa ínfima e caduca idéia desse “admirável mundo novo” e que a maioria leva para dentro do metaverso, nos vícios e situações mal resolvidas encontradas em nosso mundo real. Paradoxalmente, esse “mundo de maravilhas”, como Alice encontrou sua Wonderland está repleto de cópias simuladas pela mesmice das famílias, das tentações de cada um em repetir o que lhe é familiar. Qual é o conforto e segurança em “brincar de casinha” na SL? É um JOGO? Jogar com os sentimentos alheios, com a vida e expectativas do outro é divertido? Brincar de AMAR um avatar/pessoa por semana faz bem ao ego? São algumas das inúmeras questões que teimam em surgir durante minhas reflexões.

Kid

Tenho grande preocupação quando sei de pessoas que abandonam literalmente sua vida real com maridos e esposas reais e filhos de verdade, para viverem essa fantasia, que tende à esquizofrenia. Penso em quantos personagens estas PESSOAS e não bonequinhos precisam criar para serem felizes? Sinto que os valores estão deturpados e uma de minhas maiores preocupações está em entender o que um adulto ou um adolescente ou criança (isso é muito sério, pois nem poderiam estar na SL), busca em se travestir de avatar criança e falar como se fosse um deficiente cerebral? (nem uma criança de verdade fala como muitos que vejo).  E essa questão é extremamente delicada, pois pode estimular no doente, algo que abomino, como a pedofilia. Isso é muito sério e muitos ainda não entendem.

Querem simular uma segunda vida? Certo, maravilha, mas qual alegria existe em simular nesse “novo Mundo” as mesmas farsas e vícios de nosso velho e deficiente mundo? É incrível como na SL tudo se potencializa e os defeitos encontram múltiplas facilidades sob o manto do anonimato.

Sou extremamente positiva e acredito em um mundo maravilhoso e por estar de bem com a vida é que adoraria encontrar mais caráter, boa índole, boas ações e ações pró-ativas na SL. Afinal, somos nós que criamos esse mundo virtual e isso deveria ser tão melhor.

Cartoon SL

SL é um simulador de vida e poderia ser maravilhosa se tentássemos usá-la como ensaio e escola para vivermos uma vida real cada vez melhor. Em lugar de dizer eu te amo em chat aberto, em declarações irreais para alguém que acabou de conhecer, por que não dedicar essa energia e carinho em fazer da vida real mais feliz, declarar ou resgatar seu amor a quem está ao seu lado? A fragilidade dos sentimentos e como são descartáveis na SL é chocante.

Vida não é brinquedo para se jogar e há sentimentos em quem controla os tais “bonequinhos” e não me refiro apenas aos sentimentos românticos, mas também à frustração de quem monta um negócio e é lesado, de quem é traído por um amigo ou pai, mãe, irmão postiço de SL… Jogo… sim, a SL tem jogo de RPG, Arcade, Pescaria, tudo como parte do que pode tornar essa segunda vida mais divertida. Mas, gente não é boneco, gente não é pixel, nem merece ter seus sentimentos descartáveis. Enquanto tantos considerarem a SL um jogo e não entenderem que é simulador de vida. Muitos serão magoados.
Amor, caráter e amizade são muito diferentes dos absurdos que cometem na SL em nome da diversão ou descarregar frustrações a qualquer custo. Simular uma vida de sonhos é uma delícia, mas que isso não se torne algo destrutivo e sádico, que tem causado sérios estragos a muita gente.

Gostei (55 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

publicidade
Visite Rahz Island

Preservar a Fauna – Consciência ambiental no SL

Ananda Valeeva | arquivado em Comportamento, Viagem | 28-08-2008 | Comments Off

escrito por Ananda Valeeva

protect-nature1.jpg

Recentemente encontrei um SIM que realmente faz a diferença e, como tudo que me cativa mais no SL sempre está relacionado à cultura geral, eventos, comportamento e ações do bem, fiquei encantada ao ver um grupo dedicado à preservação de animais em extinção.

Protect Nature

Visitei um ambiente lindo e bucólico que nos convida a caminhar entre recantos com lindas cachoeiras, florestas virgens e nos surpreende com fofíssimos Pandas, animais selvagens, golfinhos e uma fauna riquíssima, que merece ser respeitada.

Protect Nature

Pegue os notecards para saber mais sobre a campanha e poder ajudar. Eles também têm um site que fala de todo o projeto e de nossa responsabilidade tão relegada ao esquecimento em amar mais nosso lindo planeta e todas as suas criaturas, sem distinção.

Website: www.panda.org

Onde: WWF Conservation Island, WWF (101, 51, 22)

Gostei (8 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

Reflexão: Será preciso tanta perfeição? parte 2

Ananda Valeeva | arquivado em Comportamento | 17-07-2008 | Comments (10)

escrito por Ananda Valeeva

Perfeição? Ananda-Caixote

Second Life pode ser tudo o que você sonhar: um jogo, uma oportunidade para negócios, uma terapia e opção para fazer e ser o que sempre sonhou. Podemos fazer de nossos avatares, figuras de beleza que sonhamos ser um dia na realidade e que até nos incentive a melhorar o que não curtimos muito em nosso corpo real ou ao contrário, sonhamos em sermos fadas, elfos, robôs, vampiros, enfim… É permitido ir além da fantasia e ter diversão. Quando escolhemos um look que nos represente em nossa segunda vida, não podemos esquecer que ali estão expectativas, crenças, estilo e até recantos obscuros de nosso Ser… Lá está VOCÊ como é ou o seu modelo ideal, que pode ou não vir a existir um dia em sua realidade. Claro que nos damos uma “licença poética” para exagerar às vezes e liberar os desejos em vestir algo mais ousado ou ser aquele belo dragão lilás que não conseguimos ser na RL e essa parte lúdica da SL é fascinante também.

Perfeição? Ananda-Dragão

A Ananda tem imperfeições como avatar, usa o mesmo shape e skin SEMPRE, desde que mudou apenas uma vez quando nasceu. E claro, já se aventurou sendo uma figura mítica aquática, borboleta, fada, dragão, a Trinity do Matrix e até mesmo a Lisa Simpson, tocando seu sax arrebatador. Rsrsrs O que não dizer de ser uma caixa ambulante? rsrsrs Mas, como humana ela é a minha identidade, não a mudo, e quando penso que poderia melhorar algo, acho que seria um retoque aqui e ali, como faria na RL, de forma saudável e agradável, sempre no intuito de ser melhor, pois estamos aqui para progredir em todos os aspectos, não? Mas, sem intelecto, não consigo suportar o avatar ou humano mais delicioso que já vi. ahahahaha

Bem… é ótimo poder ousar mais na SL, já que não dá pra fazer tantas coisas na RL. Porém, não nego quem sou e nem mesmo encontro em um mundo virtual, uma válvula de escape para fugir de mim. Cuidar da aparência é uma delícia, é saudável e adoro sim. Negar isso é no mínimo hipocrisia, mas não quero ser melhor APENAS no aspecto externo, essa é a questão, o ponto desta minha reflexão.

Perfeição? Ananda-Trinity

Sim… esta experiência transcende e é incrível como pode nos ajudar a ser melhores na RL. Ouço gente me contar maravilhas sobre melhorar a timidez, terem mais perspectivas em suas vidas e até aprenderem a usar novos talentos… SL é um mundo com MUITO MAIS potencial do que tantos podem imaginar. Para quem quiser que seja um jogo, sim SL pode ser um jogo, mas lá você interage com VIDAS, sentimentos, emoções, sonhos de GENTE de verdade e não apenas com bonecos sem vida, que sem o nosso controle, sequer existiriam. E a RL também não é um jogo? Não nos põe à prova, não nos dá alternativas para apostar nesse ou naquele caminho? Por isso, é lindo sim querer ser melhor, mas perfeito? Ahhhh, nem mesmo o mundo virtual é perfeito e essa é a grande sacada… cada um encontrar a SUA visão do que é o melhor, para as SUAS expectativas e anseios. Por isso… eu os convido a refletir se é mesmo preciso correr como loucos atrás de uma skin perfeita? Ela não existe e a graça está nos detalhes que nos fazem ÚNICOS, como na RL. Sim, podemos e queremos melhorar. Isso é saudável, mas…

Gente… Vamos nos amar, aceitar quem somos, com qualidades e defeitos e claro, poder melhorar, pois progredir é ótimo, mas sem a escravidão aos valores impostos pela sociedade. Sermos únicos é a grande escolha em qualquer vida.

Não seria o momento de parar para observar o que realmente está errado com essa eterna insatisfação de alguns, nessa obsessão pela beleza e perfeição? Porque negar a si mesmo ao invés de fazer algo construtivo e pro-ativo para as mudanças sonhadas? Há tanta gente que admira, cobiça e até inveja o sucesso e aparência física do outro, mas senta seu traseiro na cadeira e nada faz para melhorar!!!! E o mesmo pode acontecer com seu avatar, que pode ser uma maravilha ou um reflexo da preguiça de alguns em evoluir. Eu disse evoluir e não perseguir uma perfeição utópica, pois achar que a SL é a resolução de todos os seus problemas é no mínimo ingênuo.
Não dá para ficar aqui sonhando e deixar a vida lá fora acontecer sem rumo, sem metas. Aqui é uma pausa para relaxar, criar, interagir e sonhar “um pouco” e, por que não, para alguns, uma plataforma de negócios. Afinal, nós criamos um avatar que, seja humano, neko, dragão, enfim, o que for, e que de alguma forma é a nossa identidade e podemos sim fantasiar, ser quem ou o que quisermos ou trazer a realidade para interagir com o metaverso. É uma questão de identidade, escolhas e objetivos. A SL é um campo de sonhos maravilhoso, mas pode gerar conflitos existenciais seríssimos para quem nega a si mesmo e traz suas insatisfações sonhando que serão resolvidas no mundo virtual. Nada é perfeito, em nenhuma vida, infelizmente, mas dá para ser feliz sim em todas elas. Chorar, sorrir, cantar, dançar, amar, ter amigos, ser doidinho ou não…

Perfeição? - Ananda-Lisa

Então, pensemos em nossos avatares. Todos nós já fomos noobs, passando pelas agruras do andar sem graça, a pele sem definição, cabelos default colados e duros, mas a “alma” sempre esteve presente, ainda que com um “invólucro” nem tão atraente (que alguns usam até hoje, pouco se importando com os outros). Entretanto, há um ponto que eu sempre cito: trazemos para a SL o que somos, sentimos, cremos e o nosso caráter, acima de tudo. Por isso, em hipótese alguma é aceitável qualquer espécie de preconceito.

Somos livres para escolher ser o que quisermos e como quisermos. Basta sermos cuidadosos para não nos tornarmos escravos na busca pela perfeição. Enfim, ainda hoje, mesmo sendo uma veterana em SL, e até aparecendo às vezes como Ruth (o tal avatar que carrega quando há bugs e deixa os meninos com seios), eu fico feliz quando posso ajudar, ser gentil com todos e interagir.

Então, este post é uma homenagem à simplicidade da alma, à verdadeira beleza, que está nos pequenos detalhes de generosidade e carinho. Mostro a Ananda em momentos bem diferentes. Mas, ainda assim, é sempre ela… é sempre a Ananda… EU na essência, qualidades e defeitos… Essa é a magia que encanta.

O mais importante é que mesmo às vezes descalça, careca, nua e cinza, ela tem minha essência, sou eu e tem as minhas cores da alma, que não troco pelo mais lindo avatar desse mundo!

Gostei (13 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

Reflexão: Será preciso tanta perfeição? Parte I

Ananda Valeeva | arquivado em Comportamento | 08-07-2008 | Comments (12)

escrito por Ananda Valeeva

Desnudada1

Muitas questões surgem em minhas divagações para entender os processos emocionais pelos quais passamos nessa vida virtual. O SL é um campo fértil para observações sobre comportamento e passar pela terapia que oferece; e uma das facetas interessantes é o quanto nossa vaidade pode ser despertada e, para muitos, extrapolar os limites do bom senso.

Desnudada Spa

Em hipótese alguma me excluo do processo, pois o acho terapêutico e até ajuda a aumentar a auto-estima em dias de TPM rsrsrs, mas quando utilizado de forma saudável. Porém, eu tento, dentro de certa “normalidade”, não viver minha segunda vida em função dessa corrida incessante pela perfeição, trocando de shape e skin a cada semana ou em muitos casos, a cada dia.

Desnudada Ruth

Quando percebo que a vaidade toma proporções exageradas e que foge de minha essência e buscas verdadeiras, sinto um grande desconforto e imediatamente coloco os pés no chão e volto ao bom senso. Esse culto desmedido ao “externo” que tenho presenciado no SL, como reflexo da RL, é preocupante. Onde está o conteúdo??

Desnudada Completa

Desnudemos as carcaças… aqui entrego o que é um avatar… Esta é a Ananda, sem recursos, sem beleza externa, apenas a representação virtual de quem sou, com a mesma essência, índole e caráter reais!

Continua no próximo post.

Gostei (13 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

Resumo da semana

Patou Dumont | arquivado em Comportamento | 10-02-2008 | Comments (9)

escrito por patou dumont

Ufa! Que semana. Como se não bastasse o longo feriado (para os que estão no Brasil); as instabilidades constantes no SL -que se estenderam para o site do Second Life-; a abertura pré-oficial do OpenLife Grid, a primeira alternativa ao Second Life aberta ao público onde você vai poder escolher seu último nome, usar 3D meshes ao invês de prims, texturas que vão poder ser acessadas via http e mais, muito mais; mais um release do Windlight (1.19.0-79185), onde eu continuo tendo problemas; tivemos também o tremendo bafafá envolvendo o roubo de texturas e o envolvimento de alguns brasileiros nessa marmelada.

Roubo de texturas não é novidade dentro do SL, e não esta limitado aos brasileiros. Infelizmente um grupo -pequeno, eu espero- de ladrões salafrários anda copiando e revendendo texturas que pertencem a outros. Um deles foi pêgo com a mão na jarra de biscoito e, devido aos protestos e demonstrações no SL, foi expulso. Ou melhor, o avatar “laranja” foi deletado, pois o humano continua no SL, provavelmente imaginando como vai se aproveitar de alguma falha para tirar proveito de alguém. A partir daí uma porção de gente começou a ser acusada e o SL virou feira de peixe: as pessoas perdem a calma e o bom senso, param de raciocinar e só colocam o pé ainda mais dentro da jaca.

Sem falar dos boateiros de plantão que começarem a expalhar o veneno: a LL vai bloquear o acesso aos IPs brasileiros!! Os gringos estão com inveja da gente!! São racistas, tem algo contra os brasileiros!! Vão deletar todos os AVs que compraram peles roubadas!!! Não é possível, é perseguição!!!

É claro que na hora do stress é fácil ser levado pela emoção… Mas com um pouco de calma e, mais importante, informação, vemos que as coisas não são bem assim. A LL não vai bloquear o IP do Brasil. Não é interesse deles sequer punir alguns dos salafrários que roubam as texturas, por que eles cortarim um país inteiro e todos os lucros que esse país lhes traz? No JIRA onde esta rolando o tópico sobre o roubo das texturas, uma pessoa comentou que Nigeria, Iran e Brasil são alguns dos lugares que tendem a ter o IP bloqueado por alguns administradores de sites por causa dos problemas passados que usuários destes países tendem a causar.

Isso é perseguisão? Não, é realidade. Infelizmente por causa de um punhado de maçãs podres, se perde todo o resto. É uma generalização ridícula, mas que faz sentido no mundo dos negócios.

Quem tiver saco e souber inglês pode ler tudo que esta rolando no JIRA. Em nenhum momento houve racismo, apenas o que um usuário brasileiro disse estar sentindo, que soou mais “estou me fazendo de vítima”. Os gringos tem a noção de que não são TODOS os brasileiros que estão roubando texturas, que não são TODOS os brasileiros que são canalhas. O problema é saber a diferença. É por isso que o comércio em algumas ilhas brasileiras caiu, porque fica díficil diferenciar quem é honesto de quem não é. Infelizmente, como eu disse antes, meia dúzia de maçãs podres estão prejudicando todo o resto.

nao somos ladroes!

Neste momento o que vale é o bom senso, calma e diplomacia. Ao invés de ficar com raiva dos gringos e bradar inverdades, se fazer de vítima e até jogar a merda no ventilador, vamos olhar ao redor e começar a separar o joio do trigo. Quem são esses “designers” que roubaram texturas e trouxeram esses problemas para nós? Vamos isolar esses canalhas e nos juntar as pessoas que estão tentando expulsar essa corja do SL. Vamos fazer demonstrações e exigir do LL que essas pessoas sejam punidas. Vamos parar de comprar dessas pessoas. Vamos mostrar aos gringos que nós não somos dessa laia, que dividimos apenas a mesma nacionalidade, mas não concordamos com esse tipo de mentalidade de “tirar vantagem em tudo”. Esse é o momento de todos os designers honestos e todas as pessoas que não aceitam esse tipo de comportamento se juntarem para reverter essa situação. Nós temos a força e a capacidade de mudar o que não esta certo.

Boa semana e até a próxima!

ps.: se você quer fazer a diferença, mande um email para cartas@second-news.net.

Gostei (32 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

The Fitting Room – Mimos para nós, mulheres!

Ananda Valeeva | arquivado em Comportamento | 13-01-2008 | Comments Off

escrito por ananda valeeva

Em minhas constantes buscas por lugares inusitados, tive uma grata surpresa ao encontrar um elegante e clean SPA para mulheres. Um amplo lobby em tons suaves une os ambientes em total harmonia com flores e móveis muito bem elaborados dão um preview do que nos espera. É tão bem construído que temos a sensação de estarmos mesmo em um belo Spa. Explorar os ambientes dispostos em perfeito projeto arquitetônico nos leva a várias salas, as quais nos convidam ao relaxamento e prazer de ser mimadas. Todas as salas são decoradas com velas coloridas, vidros com óleos essenciais, cosméticos e muitas flores, incluindo belíssimas e realistas orquídeas (uma de minhas flores favoritas).

Hot Tub

Você pode começar por uma massagem relaxante, ouvindo o maravilhoso som ambiente; continue seus momentos de rainha com um delicioso “escalda-pés” (banho nos pés com água perfumada e pétalas de flores). Em seguida, escolha uma das banheiras para um delicioso banho de imersão em pétalas de rosas, e tenha certeza que você vai relaxar e se sentir uma estrela de cinema. Para finalizar, vá a uma das salas para pentear os cabelos ou mudá-los. A animação é muito charmosa e no mínimo dará belas fotos, se você quiser fazer uma “frescurinha”.

Massage

Você pode ficar nua lá dentro, pois é permitido e natural dentro desse tipo de spa, mas se quiser ficar nua apenas dentro da banheira, eles oferecem logo na entrada, chinelos e toalhas para cabelo free e por 1L você também pode pegar um robe, biquíni, perfumes e óleos essenciais.

É muito lindo, meninas! Vale a pena dar uma passada e ter um dia de estrela. Para os meninos, lamento, mas prometo que vou procurar algo à sua altura também.

Onde: The Fitting Room, Black Cat (204, 118, 28)

Gostei (12 votes, average: 3.33 out of 1)
Loading ... Loading ...

Mil e uma Noites – Sonho em sedas e beleza

Ananda Valeeva | arquivado em Comportamento, RPG | 01-01-2008 | Comments Off

escrito por ananda valeeva

1001 Nights1

Quem nunca ouviu falar em Aladin e a Lâmpada mágica, Simba o Marujo, Ali Baba e os 40 ladrões? (e nem estou falando de nossos políticos). Creio que minha paixão pelo exotismo, fantasias, magia e sonhos fica cada vez mais clara, à medida que exploro, observo e procuro lugares no SL que abordem tais temas para mostrar a vocês. E em minha constante curiosidade e busca encontrei um SIM de tirar o fôlego! O nome já nos dá um preview do que nos espera – “1001 noites”. Este é mais um incrível RPG (Role-Play), que aborda a temática da fantasia em uma imersão em “Noites Árabes” repletas de aventuras. Ai… acho que já estou envolvida em minhas próximas férias… rsrsrs

1001 Nights3

Imaginem que fascinante a história das “1001 Noites” – Conta-se que o rei Shahryar descobriu que sua esposa lhe foi infiel e por isso ele ordenou sua execução, declarando que todas as mulheres eram desleais (que trauma hein? Ele bem poderia ter sido mais suave – rsrs) – bem, voltando ao conto. Ele começou então a se casar com inúmeras virgens apenas para executá-las na manhã seguinte. Após um tempo, quando encontrou dificuldade para achar novas virgens para se casar (ai se fosse hoje em dia!!!) – hum hum… voltando ao “causo”- bem… Sherazad, uma bela princesa filha do vizir se ofereceu como a próxima noiva. Na noite do casamento ela contou uma bela lenda para o rei, mas não terminou a história. Assim, o rei se viu obrigado a mantê-la viva, pois ansiava por saber o final da história. Na próxima noite, logo que terminou o conto, ela começou a contar uma nova história e assim seguiu por 1001 noites. Uma dessas histórias é Aladin e a lâmpada mágica.

1001 Nights2

Este SIM foi construído em meio ao deserto de areias escaldantes e cores quentes de canela e especiarias, baseado em fantasias no estilo Medieval Árabe, onde podemos encontrar gênios, magia e seres míticos que nos transportam ao infinito de nossos sonhos de infância. E neles, se observa tais histórias de 1001 noites. Você poderá encontrar humanos de toda parte vestidos em costumes medievais, de guerreiros, odaliscas ou monstros, animais e formas que nunca imaginamos existir. Como todo role play (RPG) este também tem regras a serem respeitadas e sugiro que você comece como observador e pegue logo na entrada um tag de Observer para se interar na dinâmica local. Há notecards explicando tudo.

É possível encontrar arenas para combate e disputa de magia, ambientes iguais aos mercados de jóias, tabernas ou dentro do castelo principal (belíssimo em detalhes – arabescos e entalhes iguais aos reais), também há locais para romance e roleplay mais sensual. Imagine dança do ventre, muitas sedas e sedução. Logo que você chegar, procure pelo tag de observer, vista e vá até o furacão para dar TP ao castelo, mas você também pode caminhar pelas dunas antes de entrar nessa fantasia e sentir-se como um Laurence da Arábia. É diversão garantida!

Onde: 1001 Nights – Role-Play Fantasy, Purgatorio (221, 214, 27)

Gostei (16 votes, average: 3.63 out of 1)
Loading ... Loading ...