Post Interessante:

Naya Luna

Semanas atrás visitei esse SIM futurístico, tirei fotos, peguei a SLURL e depois esqueci totalmente do local. Ontem revisitei e tudo continua lá, de pé. Logo de cara eu curti o bar, onde você pode conhecer alguns habitantes do SIM. Não é possível voar aqui, então toda exploração deve ser...

Leia Mais...

Unforgiven Isle

Patou Dumont | arquivado em Especial | 31-10-2008 | Comments Off

escrito por Patou Dumont

A loja The Soup Kitchen -que até visitar este SIM eu não conhecia- abriu sua mainstore neste SIM que é bem legal: uma ilha assombrada. Assim que eu cheguei no local acertei meu Enviroment Editor para Region Default e vi que tinha um pequeno bote com um tipo estranho, que me levou a um tour pela ilha.

Desci no cemitério e de lá explorei a ilha a pé. Confesso que levei uns sustos antes de chegar na loja (os sons são excelentes, use o fone de ouvido), que tem o balconista mais “interessante” que já conheci.

Onde: Unforgiven Isle 80/129/21

Gostei (4 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

publicidade
Visite Rahz Island

Economia, Freebies e para onde o SL esta indo…

Patou Dumont | arquivado em Comportamento, Especial, Mensagem | 27-10-2008 | Comments (29)

escrito por Patou Dumont

Recentemente Gwyn escreveu um longo post sobre alguns fatores que estão afetando a economia do SL. Recomendo a leitura, pois vale muito a pena.

Alguns pontos me chamaram a atenção em especial: o fato dela “cercar” o número de usuários que “gastam” no SL, algo que eu sempre suspeitei mas não tinha fatos concretos para explicar.

Ela falou também sobre moda ser um setor ultra saturado no SL, onde a oferta esta muito superior a procura e onde “nomes famosos” (Armidi, por exemplo) se dão bem e os pequenos estão lutando para “sobreviver”.

Algo que me tocou é a imensa proliferação dos freebies e dollarbies (juro que não é só porque eu não aguento mais ver fantasia de Halloween nos feeds… e temos mais 5 dias pela frente! socorro!!!! :mad: ) Meses atrás eu iniciei uma lista no grupo do SL!B que mandava notes com dicas de onde achar freebies e dollarbies. Depois por falta de tempo, passei a tocha para a Catzgirl e ela fez um trabalho excelente coletando e mandando os notes.

Logo em seguida alguns designer me mandaram IMs agradecendo, outros comentando sobre fatos ocorridos em suas Hunts e ofertas, e algums casos de pessoas reclamando. Por isso decidi traduzir e publicar aqui a etiqueta do freebie, que vocês podem reler aqui.

Porém a coisa pegou fogo quando Ana Lutetia publicou algo sobre a “cultura do freebie” no SL (algo que Gwyn fala detalhadamente no post que citei acima). Eu conheço muitos criadores no SL e nas últimas semanas tenho ouvido muita reclamação. Gente que manda IM reclamando do freebie, gente que fica no meio da loja na frente de todo mundo e faz comentários maldosos sobre o item ofertado, gente que reclama do dollarbie custar 1L, etc e tal. Eu mesma presenciei cenas deste tipo quando amigos me chamaram para ficar na loja assim que a notinha era enviada a alguns grupos especializados no tema (não o SN!B, graças, ou teria morrido de vergonha). Note que eu não estou falando dos brasileiros, mas dos usuários do SL em geral.

Freebies é uma das melhores maneiras dos novos usuários aprenderem como as coisas funcionam no SL, como podem personalizar seus avatares, e por este motivo eu não acho que os freebies devem sumir. Quando eu comecei no SL os bons freebies eram apenas para os usuários com 30 dias ou menos, o que me parece justo. Também acredito que não é nada demais enviar um presente como forma de agradecer a preferência as pessoas que gastam com frequencia na sua loja.

Eu confesso que durante um período estava totalmente viciada nos freebies (quando comecei a mandar as notas para o grupo) e cheguei a comentar com a Ananda que eu já não estava mais trocando dinheiro no Lindex porque pegava tudo de graça. Mas esta fase passou quando meu trabalho começou a exigir mais e eu pedi a Catz para enviar as notas, e hoje me dia só gasto no SL com coisas “legais e estranhas” e uploads, pois faço eu mesma o que quero vestir, se tenho tempo. Fashion is dead no meu caderninho. :-)

Mas acho que a maneira que os freebies estão sendo distribuidos esta começando a saturar o mercado que já esta tendo dificuldade em vendas. Alguns criadores se sentem pressionados a distribuir freebies para poder competir e quando você começar a desvalorizar seu produto, a situação é grave. Sem dizer que quando as pessoas começam a achar que os criadores tem a obrigação de oferecer freebies a mandam IM reclamando da peça e pedindo modificações, esse é o ponto onde as coisas devem ser revistas.

Outro fator são as contas Premium. Eu concordo com Gwyn quando ela sugere que as contas Premium deveriam oferecer algo mais que as contas normais. Hoje em dia a LL não ganha seu pão com as contas Premium, e sim com a venda das terras e o tier, por isso não existe incentivo algum em melhorar o serviço aos Premiums… (cá entre nós, estou viajando né, a LL não tem interesse em melhorar nada para ninguém). Mas seria interessante se alguns limites fossem estipulados. Ela deu o excelente exemplo do Flickr: Flickr é um serviço grátis se você não se importa com as limitações. Se você paga um pouquinho mais, tem mais regalias. Eu sei que tem gente que vai me xingar e me chamar de elitista, mas imagine só o quanto ajustes aqui e ali poderiam melhorar a vida de todos: limite ao número de contas grátis por IP poderia evitar os bots; limite de uploads aos usúario sem CC on file ia diminuir o número de gente usando copybots e subindo imagens que não lhes pertence (claro que uma alternativa deveria ser implantada para quem não tem CC internacional); voice só poderia ser iniciada pelo premium; etc.

Eu gostaria de ver mudanças nos SL, mas sei que estou viajando na maionese. Enquanto isso o que eu posso fazer é escrever sobre o que eu gostaria que acontecesse… e sonhar. Boa semana a todos! 8)

Gostei (12 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

publicidade
Visite Rahz Island

Harry Potter – A magia que conquista a todos

Ananda Valeeva | arquivado em Especial, RPG | 13-10-2008 | Comments (29)

escrito por Ananda Valeeva

Uma das delícias que podemos viver na SL é estar dentro de contos de fadas ou mesmo das cenas de livros e filmes que nos encantam. Às vezes imagino que seria fantástico encontrar aqui o cenário de “Bladerunner” ou “O céu que nos protege”, na paisagem estonteante do deserto vislumbrada por Bernardo Bertolucci.

Recentemente fui surpreendida por mais um incrível trabalho de Erin Burks, uma das mais talentosas criadoras e builders da Second Life. Seu trabalho em Liquid Heat já foi mostrado aqui na linda criação feita em 2007 para o Halloween. Slade Christensen faz parceria com Erin como grande builder e scripter.

Um castelo e todo o cenário de Harry Potter, dos livros de J. K. Rowling foram criados usando nada menos que quatro Sims. O que posso dizer no mínimo é que você vai ficar extasiado/a. Para quem aprecia construções, texturas realistas, bom gosto, criatividade e aventura a visita é imperdível. Há um tour de trem e outro de barco, pois tudo é grandioso demais e você pode levar horas passeando, se quiser realmente conhecer tudo. Ah…. ligue o som, pois a trilha sonora é maravilhosa.

O sucesso é tão grande, que nos primeiros dias 200 pessoas pediram para transformar o Sim em RPG e há um grupo incrível de magos e personagens dos livros jogando RPG por lá. Um dos atrativos é que eles mesmos decoram seus dormitórios. Quem sabe você encontra Ron Weasley e Hermione Granger nos corredores da escola Hogwarts ou tenha que fugir do maldoso Lord Voldemort.

Onde: The Leaky Cauldron and Diagon Ma, Liquid Heat Experience 36/148/32

Gostei (5 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

publicidade
Visite Rahz Island

Chakryn Forest – a natureza te faz sonhar

Ananda Valeeva | arquivado em Especial, Viagem | 10-10-2008 | Comments (5)

escrito por Ananda Valeeva

Um sonho dentro do sonho que podemos viver na SL. Ouvi um comentário perfeito para descrever como nos sentimos ante este belo Sim – é uma obra de arte, entre a Paz do paraíso e uma alucinação lisérgica.
Penso que uma das maiores qualidades da SL é poder aplaudir e apreciar os incríveis talentos como o grupo que criou esta serena e romântica floresta encantada. A dona do SIM é a gentilíssima Bettina Tizzy, com quem conversei; o builder foi o grande artista Andrek Lowell, que criou esta floresta mágica com recantos secretos, cachoeiras, túneis e cavernas… Encontrei até um altar de rituais para fadas. Tudo lindo demais e pude curtir maravilhas ao tirar fotos que amei, fazendo experièncias com os recursos do windlight. Pena não poder mostrar tudo aqui.

Há obras de arte magníficas, esculturas com movimentos fractais em um ballet sinuoso, de cores e formas de tirar o fôlego; e ainda para nos encantar mais, há uma sala interna fantástica, criada pela incrível artista criadora da Ilha Rouge e tantas outras, Eshi Otawara. O mínimo que posso dizer é que viveria em uma pequena cabana em um lugar desses para sempre. Ou até mesmo sob a luz do sol e do luar, tendo como leito a grama macia e perfumada.

Caminhei, voei, meditei e apreciei a beleza e encantamento. Cheguei a sentir o frescor da relva da manhã, que até arrepiou a pele. O perfume das flores inebriando o olfato e despertando memórias. Jasmim e um aroma de almíscar, algo de madeira e folhas verdes, que quando pisadas, exalavam seu perfume mágico, aflorando em mim sensações incríveis.

Sinceramente, fiquei horas nesse campo de sonhos, e ainda para me conquistar definitivamente, o som que tocava era de maravilhosas músicas indianas. Como resistir ao som de ragas, tablas, sitars, veenas e harmonium? (desculpem os nomes dos instrumentos, que podem soar estranhos, mas são típicos da Índia, criam sons únicos e fazem parte de minha vida há anos).

Chakryn Forest é uma das mais belas e fascinantes criações que já vi na SL e se você é sonhador(a), apaixonado(a) e adora deixar fluir todas as emoções, vá hoje mesmo e me conte se exagerei. Não se esqueça de ligar o som logo que chegar.

Onde: Chakryn 45/186/22

Gostei (7 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

publicidade
Visite Rahz Island

The Refuge and Expansion

Patou Dumont | arquivado em Especial | 07-10-2008 | Comments (3)

escrito por Patou Dumont

Vocês lembram daquele pedacinho de SIM que tinha um lindo campo com trigo e um antigo trem, onde todo mundo foi tirar uma foto para colocar no Flickr? Pois o dono do local, AM Radio,  expandiu e melhorou e agora o local parece mais do que nunca com aquelas tristes planicies americanas.

Tainted Hearth

Se você gostou do antigo local, vai adorar este com certeza. :-)

Onde: Welsh Cove 10/113/24

Gostei (7 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

Jigoku

Patou Dumont | arquivado em Arte e Arquitetura, Especial | 29-09-2008 | Comments (2)

escrito por Patou Dumont

Fui conhecer este local por indicação de um amigo e que surpresa! O local chama-se Jigoku, e logo na entrada você fica sabendo que ele é feito para refletir o inferno na visão dos budistas (?). Eu sei que este é o nome de um filme de horror japonês, mas não sei nada sobre esse lance budista. Enfim…

Jigoku

Eu amei o local, muito bem planejado. Dá para fazer fotos geniais!

ps.: Franco já tinha feito uma matéria sobre este local em Agosto, e eu esqueci totalmente. então, para os que não foram antes, que visitem agora. ;-)

Onde: Higashiosaka 128/132/31

Gostei (5 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

publicidade
Visite Rahz Island

Syncretia

Patou Dumont | arquivado em Arte e Arquitetura, Especial | 24-09-2008 | Comments (9)

escrito por Patou Dumont

Estou muito contente por ter encontrado diversos locais não comerciais no SL (ultimamente). Muita arte e cultura, muita gente usando o SL para coisas que são impossíveis na RL. Ás vezes é díficil ultrapassar nossos limites e imaginar o inimaginável, mas quando eu me deparo com algo original e diferente, fico feliz e me sinto inspirada.

Syncretia

Eu fiz uma viagem a este SIM e confesso que não entendi muito bem o objetivo, mas curti muito algumas instalações. Eu imagino que seja o playground de alguma universidade, pois os trabalhos são diversos e espalhados pelo SIM.

Syncretia

Aconselho a viagem para aqueles que estão cansados do lugar comum no SL.

Onde: Syncretia 36/144/22

Gostei (8 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

publicidade
Visite Rahz Island

Dirty Cute

Patou Dumont | arquivado em Especial, Viagem | 19-09-2008 | Comments (3)

escrito por Patou Dumont

O clube de go-go mais legal do SL na minha opnião. Feito num bueiro, cheio de salas surpresas (você se sente num labirinto, o que é muito-muito legal), com bom uso de cores e luzes e animações excelentes, este local conseguiu me absorver 100%, o que hoje em dia é muito raro acontecer.

Dirty Cute

Ao chegar, mude seu setting de Windlight para Midnight, senão você não vai ver as cores corretas. Depois clique no bueiro e se jogue, aproveitando a viagem.

Dirty Cute

Meu local favorito das últimas semanas. Total 5 estrelas.

Onde: Hachiman 150/86/680

Gostei (6 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

publicidade
Visite Rahz Island

Crie seu Poema

Patou Dumont | arquivado em Especial | 18-09-2008 | Comments (14)

escrito por Patou Dumont

Um jogo super engraçadinho onde você pode criar um poema dentro do SL. O jogo é para 1-4 jogadores: você clica no coração e assim que ele der a “largada”, você anda/corre nos azulejos. O jogador que tiver as melhores palavras para formar o poema, ganha.

Poema no SL

Onde: Clematis Island 217/22/22

Gostei (10 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

Second Life: Jogo ou Simulador de Vida?

Ananda Valeeva | arquivado em Comportamento, Especial | 12-09-2008 | Comments (159)

escrito por Ananda Valeeva

Avatar, mas minha dona é REAL

Tenho adiado esse assunto, mas acho pertinente abordá-lo agora, ante ao que tenho presenciado e como uma das razões para o encanto que eu via na SL se esvair. Antes dos simuladores de vida que têm se multiplicado na internet, muitos de nós puderam se divertir com The Sims, em nossas inocentes aventuras, que dependiam apenas de nós. Foi um ótimo ensaio para o que viria depois.
Não sou dona da verdade e cada um tem sua opinião, mas fica muito claro até mesmo na página oficial da Linden Labs, a criadora do Second Life (o próprio nome traduzido quer dizer, Segunda Vida), que isso não é um jogo, mas um “simulador de vida, de sonhos, criado e imaginado por seus usuários”. Second Life é uma “vida paralela”, uma segunda vida além da vida “principal”, “real”.
Não somos apenas uma representação em pixels, nem bonequinhos, como tantos teimam em afirmar. Afinal, sem o nosso controle não haveria interação e nada do que acontece na SL. Jogo? Quais sãos as metas, objetivos, adversários a superar, enfim?

Cartoon SL

O ambiente virtual em 3D simula em muitos aspectos a nossa vida real e para cada um que cria seu avatar a SL pode ser um jogo (se você gosta de RPG e outros jogos que acontecem dentro da SL), um mero simulador, comércio virtual ou uma rede social.  O maior atrativo é poder simular a vida real online que une plataformas como Orkut, YouTube e MySpace, tudo em um único espaço, que torna a experiência fascinante.

Ainda que Second Life seja o mais bem sucedido dos simuladores de vida, é possível encontrar na rede outras opções como: Smallworlds, Popmundo e Kaneva. Esses são fatos e observações lógicas sobre o que é Second Life e simuladores de vida. E então, proponho a discussão sobre essa Utopia sonhada por tantos em viver uma vida perfeita, mas que repete apenas a nossa ínfima e caduca idéia desse “admirável mundo novo” e que a maioria leva para dentro do metaverso, nos vícios e situações mal resolvidas encontradas em nosso mundo real. Paradoxalmente, esse “mundo de maravilhas”, como Alice encontrou sua Wonderland está repleto de cópias simuladas pela mesmice das famílias, das tentações de cada um em repetir o que lhe é familiar. Qual é o conforto e segurança em “brincar de casinha” na SL? É um JOGO? Jogar com os sentimentos alheios, com a vida e expectativas do outro é divertido? Brincar de AMAR um avatar/pessoa por semana faz bem ao ego? São algumas das inúmeras questões que teimam em surgir durante minhas reflexões.

Kid

Tenho grande preocupação quando sei de pessoas que abandonam literalmente sua vida real com maridos e esposas reais e filhos de verdade, para viverem essa fantasia, que tende à esquizofrenia. Penso em quantos personagens estas PESSOAS e não bonequinhos precisam criar para serem felizes? Sinto que os valores estão deturpados e uma de minhas maiores preocupações está em entender o que um adulto ou um adolescente ou criança (isso é muito sério, pois nem poderiam estar na SL), busca em se travestir de avatar criança e falar como se fosse um deficiente cerebral? (nem uma criança de verdade fala como muitos que vejo).  E essa questão é extremamente delicada, pois pode estimular no doente, algo que abomino, como a pedofilia. Isso é muito sério e muitos ainda não entendem.

Querem simular uma segunda vida? Certo, maravilha, mas qual alegria existe em simular nesse “novo Mundo” as mesmas farsas e vícios de nosso velho e deficiente mundo? É incrível como na SL tudo se potencializa e os defeitos encontram múltiplas facilidades sob o manto do anonimato.

Sou extremamente positiva e acredito em um mundo maravilhoso e por estar de bem com a vida é que adoraria encontrar mais caráter, boa índole, boas ações e ações pró-ativas na SL. Afinal, somos nós que criamos esse mundo virtual e isso deveria ser tão melhor.

Cartoon SL

SL é um simulador de vida e poderia ser maravilhosa se tentássemos usá-la como ensaio e escola para vivermos uma vida real cada vez melhor. Em lugar de dizer eu te amo em chat aberto, em declarações irreais para alguém que acabou de conhecer, por que não dedicar essa energia e carinho em fazer da vida real mais feliz, declarar ou resgatar seu amor a quem está ao seu lado? A fragilidade dos sentimentos e como são descartáveis na SL é chocante.

Vida não é brinquedo para se jogar e há sentimentos em quem controla os tais “bonequinhos” e não me refiro apenas aos sentimentos românticos, mas também à frustração de quem monta um negócio e é lesado, de quem é traído por um amigo ou pai, mãe, irmão postiço de SL… Jogo… sim, a SL tem jogo de RPG, Arcade, Pescaria, tudo como parte do que pode tornar essa segunda vida mais divertida. Mas, gente não é boneco, gente não é pixel, nem merece ter seus sentimentos descartáveis. Enquanto tantos considerarem a SL um jogo e não entenderem que é simulador de vida. Muitos serão magoados.
Amor, caráter e amizade são muito diferentes dos absurdos que cometem na SL em nome da diversão ou descarregar frustrações a qualquer custo. Simular uma vida de sonhos é uma delícia, mas que isso não se torne algo destrutivo e sádico, que tem causado sérios estragos a muita gente.

Gostei (55 votes, average: 1.00 out of 1)
Loading ... Loading ...

publicidade
Visite Rahz Island